O Poder da Análise Técnica

Você pode utilizar a análise técnica para ajudá-lo a prever os movimentos futuros dos preços, estudando os dados históricos de um ativo, ou seja, ação, mercadoria, par de moedas, ou índice. Ao fazer isso, você obterá um quadro completo sobre o histórico de transações do ativo em causa. Você descobrirá que, mesmo os indivíduos que preferem basear seus estilos comerciais em análises fundamentais, poderá utilizar a análise técnica como um método de verificação.

Ao utilizar este tipo de estudo, você precisa entender que ele é baseado em um número de ideias teóricas importantes. Por exemplo, a análise técnica acompanha os movimentos dos preços e dados relacionados com os mesmos, e não envolve as opiniões ou atitudes dos operadores de mercado de qualquer forma. Essa análise também é estruturada sobre o fato de que a história costuma se repetir, produzindo padrões de preços com características previsíveis.

Como tal, seu principal objetivo ao aplicar a análise técnica é o de identificar novas oportunidades comerciais de alta qualidade que você possa utilizar através do estudo desses padrões previsíveis. Como muitos especialistas consideram que as ações dos preços da maioria dos ativos se movem em tendências, eles não pensam que as oscilações resultantes são apenas caóticas em natureza, sem qualquer ordem. Por exemplo, quando eles verificam que um determinado preço se move em uma determinada direção por um espaço de tempo, em seguida, eles normalmente assumem que ele vai continuar no mesmo rumo, a menos que um grande evento ou estímulo intervenha de alguma forma.

Você descobrirá que, se incorporar a análise técnica em sua estratégia comercial, ela o ajudará a transacionar de forma mais científica e empresarial. Embora esse tipo de análise não seja infalível, ele pode ajudá-lo a tomar decisões mais objetivas e informadas. Em particular, você deve prestar muita atenção à máxima de transação, que afirma que “as tendências são amigas”, inclusive aproveitar um fato importante – as grandes mudanças no sentimento comercial preveem e antecedem mudanças de tendências. Isso significa que você descobrirá que os movimentos dos preços são frequentemente conduzidos por respostas emocionais dos investidores que, depois, geram padrões gráficos de preços reconhecíveis.

A análise técnica se concentra no estudo e interpretação de gráficos comerciais, a fim de identificar novas posições comerciais que possuam grande potencial de lucro, com o mínimo de riscos. Em essência, a qualidade das estatísticas associadas aos movimentos dos preços aumenta à medida que o prazo fica maior. Isso é especialmente verídico em momentos menos voláteis, quando o preço segue padrões bem definidos. É por isso que os prazos horários e diários são tão populares. No entanto, prazos mais longos têm a desvantagem de não responder de forma rápida a descidas e subidas rápidas dos preços.

Um dos seus principais objetivos, quando você começar a transacionar, deve ser o de desenvolver uma técnica que lhe forneça sinais confiáveis que possam identificar novas oportunidades comerciais de alta qualidade. Muitos operadores de mercado utilizam a análise técnica para realizar essa função e, em particular, utilizam um ou mais dos diversos indicadores técnicos disponíveis para identificar pontos de entrada e saída. Você descobrirá que há um grande número dessas ferramentas acessíveis através da realização de uma pesquisa adequada na internet.

Os indicadores técnicos podem ajudar a descobrir novas perspectivas comerciais e auxiliar na análise de gráficos comerciais. Alguns dos indicadores mais populares são o MACD, Médias Móveis, Bandas de Bollinger, Estocásticos e RSI, embora existam muitos mais. Todavia, como nenhum deles pode garantir o seu sucesso, você precisará integrar seus indicadores favoritos em suas estratégias comerciais, a fim de otimizar o seu desempenho e maximizar o seu potencial para gerar lucro.
Durante tempos voláteis, a eficácia da análise técnica é substancialmente reduzida devido ao aumento significativo de movimentos rápidos dos preços, tais como picos, e a criação de padrões comerciais mais complexos e irregulares. Um exemplo de tal condição é o lançamento de importantes dados econômicos. A análise técnica simplesmente não consegue lidar bem com esses eventos, pois as técnicas estatísticas de que ela depende se tornam ineficazes por causa da pura volatilidade que pode ser produzida nesses tempos. Como tal, os especialistas fortemente aconselham a não tentar identificar grandes formações de preços durante essas ocasiões, mas esperar até que a volatilidade diminua, a fim de obter estatísticas mais confiáveis no seu rescaldo.

Um bom site sobre esse tópico é stockcharts.com